Cine Teatro São Joaquim

Histórico

O Cine Teatro São Joaquim é o teatro mais antigo do Estado. É considerado o primeiro teatro do Centro-Oeste. Foi inaugurado em 1857, no Beco da Lapa, na cidade de Goiás. Logo no início, o teatro exibia peças dos grandes centros, São Paulo e Rio de Janeiro. Com a mudança da capital e, consequentemente, transferência dos funcionários para Goiânia, o São Joaquim entrou em decadência e, algum tempo depois, transformou-se em ruínas.

Nos anos 80, o Estado então adquiriu o prédio onde existia o Cine Anhanguera, que também estava sendo desativado. E em 1992, reativou (no novo espaço) o sonho de muitos goianos se tornou realidade: o Cine Teatro São Joaquim voltou a ser palco de grandes espetáculos.

Importância Sociocultural

Relevante espaço cultural para a cidade de Goiás, o Cine Teatro São Joaquim apresenta grupos teatrais locais, espetáculos diversos e festivais regionais. O teatro ganhou projetor (o antigo equipamento do Palácio das Esmeraldas) que lhe devolveu a antiga condição de cinema e, com isso, tornou-se suporte na realização do Festival Internacional de Cinema e Vídeo Ambiental (Fica).

O São Joaquim é casa e berço de inúmeras manifestações artísticas, passando do teatro à dança, da música ao cinema, e da maior riqueza de seus moradores: a cultura. Em 2017, depois de passar por uma grande obra de requalificação, realizada com investimentos de R$10,09 milhões do PAC Cidades Históricas, o principal equipamento cultural da antiga capital de Goiás foi reaberto ao público, no dia 02 de junho. A inauguração do Cine Teatro se deu junto ao lançamento da 19ª edição do Festival Internacional de Cinema e Vídeo Ambiental (Fica 2017). 

Requalificação e renovação

Apesar de consolidado como espaço de referência em Goiás, o edifício do Cine Teatro São Joaquim estava em estado precário e possuía uma arquitetura que destoava do conjunto da cidade, além de equipamentos e instalações que não atendiam à demanda dos eventos culturais que eram sediados ali. Executada pela Prefeitura Municipal de Goiás com recursos do Governo Federal, a obra de requalificação foi iniciada em julho de 2015 e teve, entre seus desafios, a busca por uma solução arquitetônica que melhor contextualizasse o edifício em relação a seu entorno. Além disso, a ação atendeu às condições de acessibilidade universal e reequipou o Cineteatro com novos sistemas de cênica, luminotécnica, acústica, projeção, refrigeração, prevenção de incêndio, subestação de energia e gerador, além de ampliação do backstage, área técnica, camarins e administração. Outro destaque da intervenção é a incorporação de um painel artístico ao foyer, com autoria do artista plástico e intelectual goiano Elder Rocha Lima, retratando a Serra Dourada.

A proposta de requalificação foi apresentada para a comunidade local em evento público ainda quando da assinatura da ordem de serviço e todo seu desenvolvimento contou com a participação de outros segmentos culturais, gestores e parceiros do Iphan, tais como o Instituto Federal Goiano, a comissão do Fica e produtores culturais locais. A expectativa é de que o Cine Teatro São Joaquim se consolide como o principal equipamento cultural do interior do estado de Goiás, dinamizando a vida cultural da cidade e atraindo desenvolvimento econômico e social.

A requalificação do Cine Teatro São Joaquim marca um processo de transformações pelas quais a cidade vem passando nas últimas décadas, incluindo o melhor desempenho nas ações do PAC Cidades Histórico em todo o país. Para além das ruas de pedras e do casario, que ainda hoje são a marca do conjunto que é protegido pelo Iphan e reconhecido como Patrimônio Cultural Mundial pela Unesco, a cidade resiste e se renova por meio de uma valiosa produção cultural e artística.

O PAC Cidades Históricas está presente em 44 cidades de 20 estados brasileiros, totalizando R$1,6 bilhão em investimentos em 424 ações. O Programa é uma linha exclusiva do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), criada em 2013 para atender os sítios históricos urbanos protegidos pelo Iphan, proporcionando a revitalização das cidades históricas, a restauração dos monumentos e a promoção do patrimônio cultural.

Endereço: Rua Moretti Forggi 17, Goiás, Goiás 76600-000, Brasil

Telefone: (62) 3371-2038

Responsável: Gerência de Eventos Culturais e Artísticos e das Salas de Espetáculos

Horário: segunda à sexta 13:00 às 20:00

E-mail: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

Redes: @cineteatrosaojoaquim 

 

 

Utilizamos cookies essenciais e tecnológicos semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.