Secult Goiás inicia projeto de arborização do CCON

A iniciativa, que tem parceria da Semad, irá reflorestar o espaço cultural com plantas frutíferas e espécies do Cerrado, proporcionado mais qualidade de vida aos visitantes e frequentadores do local

O Governo de Goiás, por meio da Secretaria de Cultura (Secult Goiás), deu início ao projeto de arborização do Centro Cultural Oscar Niemeyer (CCON), que contará com plantação de mudas frutíferas e espécies do Cerrado, como ipês, pata-de-vaca, quaresmeira, jacarandá, plantas que florescem em épocas diferentes, e também árvores cênicas e decorativas.

A medida tem parceria com a Secretaria Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável (Semad), que fará as doações de mudas e o todo o apoio técnico para o plantio, bem como levantamento dimensional da área, o quantitativo de mudas, insumos e produtos de jardinagem a serem disponibilizados.

Para isso, uma reunião foi realizada nesta terça-feira, 19 de maio, no Centro Cultural, com o chefe de Gabinete do CCON, Paulo Fernando Florentino, e o coordenador de Manutenção Predial e Jardinagem do espaço, Roberto Lima, idealizadores do projeto, e a bióloga e ambientalista governamental da Semad, Raquel Rezende de Morais. A expectativa é de que, em breve, já comecem os trabalhos de plantações.

Segundo Paulo Fernando, esse projeto é de suma importância, pois irá proporcionar melhor qualidade de vida aos servidores do espaço, visitantes  e moradores vizinhos.

Para a bióloga da Semad, Raquel Morais, essa ação irá contribuir não só com a parte estética, deixando o Centro Cultural mais bonito, mas com os frequentadores da unidade, que contarão com um ambiente mais agradável, com uma maior diversidade de espécies e também com a valorização do bioma Cerrado e suas raras belezas.