Secult Goiás promove ação de apoio ao Setembro Amarelo dedicada aos servidores do Centro Cultural Marietta Telles

A iniciativa é coordenada pelo Sesmt e GGP, e tem o objetivo de simbolizar o apoio das secretarias do Estado à valorização da vida e prevenção do suicídio em Goiás

A Secretária de Estado de Cultura (Secult) promoveu nesta quinta-feira, 16 de setembro, uma campanha de apoio ao Setembro Amarelo, que este ano traz o tema: "Ter empatia É". A iniciativa é coordenada pelo Serviço Especializado em Engenharia de Segurança e em Medicina do Trabalho (Sesmt Público), em parceria com o setor de Gerência de Gestão e Desenvolvimento de Pessoas.

A ação foi marcada pela distribuição de lacinhos amarelos e pipoca aos servidores, além de um card informativo para cada uma das gerências no Centro Cultural Marietta Telles. O objetivo é simbolizar o envolvimento das secretarias com a campanha de valorização da vida e prevenção ao suicídio  

Desde 2014, a Associação Brasileira de Psiquiatria (ABP), em conjunto com o Conselho Federal de Medicina (CFM), e o Centro de Valorização da Vida (CVV), organiza nacionalmente o Setembro Amarelo buscando popularizar a discussão em torno da prevenção ao suicídio, a fim de ajudar a identificar sinais de alerta e incentivar a valorização a vida.     

Segundo dados do último estudo divulgado pela Organização Mundial da Saúde (OMS) o suicídio continua sendo uma das principais causas de morte em todo o mundo. Em estimativas publicadas no relatório “Suicide worldwide in 2019”, a OMS destacou que todos os anos, mais pessoas morrem como resultado de suicídio do que HIV, malária, câncer de mama, ou guerras e homicídios. Só em 2019, mais de 700 mil pessoas perderam a vida por suicídio, o que representa uma em cada 100 mortes.

Como principais centros de apoio, o Sistema Único de Saúde (SUS) conta com atendimentos para a área de saúde mental. Além disso, nos postos de saúde e locais de atendimentos emergenciais, as pessoas devem ser ouvidas e encaminhadas especialmente para os Centros de Atenção Psicossociais (CAPS). O CVV presta apoio emocional e prevenção de forma sigilosa, atendendo voluntariamente e gratuitamente pelo telefone Nacional 188, 24 horas por dia. 

Joomla Gallery makes it better. Balbooa.com

 

Utilizamos cookies essenciais e tecnológicos semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.